Matéria O GLOBO 24.09.2017

 

“Delação de Lúcio Funaro aponta para ligação estreita entre Cabral e Sadala, empresário mineiro foi favorecido com rombo no fundo de pensão da Cedae.”

A Prece, em respeito a seus Participantes, Assistidos, Patrocinadoras e ao público, vem esclarecer a verdade com relação à matéria publicada no Jornal O Globo de 24.09.2017, intitulada “Delação de Lúcio Funaro aponta para ligação estreita entre Cabral e Sadala”, onde consta que o “empresário mineiro foi favorecido com rombo no fundo de pensão da Cedae”.

A atual administração esclarece que não houve qualquer operação realizada por Sadala ou pela empresa Lavoro na Entidade, e que irá acompanhar o andamento das investigações para que todas as medidas judiciais sejam tomadas, além das que já estão em andamento desde 2010.

A Prece se mantém incansável na defesa dos direitos dos seus Participantes e Assistidos, e aguarda na justiça a recuperação dos danos causados por operações financeiras entre 2003 e 2006.

É importante ressaltar que atualmente a Prece utiliza severos mecanismos de avaliação de risco e proteção de recursos para garantir um futuro seguro e tranquilo.